apresentação

GEMOLOGIA

Gemas são materiais usados normalmente como adorno pessoal e essa denominação substitui os antigos termos "pedra preciosa e semi-preciosa". A gemologia é a ciência que se dedica ao estudo das gemas, que podem ser orgânicas e inorgânicas. As gemas orgânicas são aquelas de origem biológicas, ou seja, originadas de seres vivos, como a pérola, o coral, o marfim, o âmbar e mais recentemente madeiras e sementes muito usadas na joalheria moderna. As gemas inorgânicas são as de origem mineral e envolvem todos os minerais que apresentam qualidades estéticas como coloração, transparência e ainda, dureza e tenacidade.

gemas brasileiras
minerais raros
colares
objetos decorativos
jóias de prata
pedra sabão
alabastro
misticismo
gemologia
minas e garimpos
Existe hoje uma norma brasileira que regulamenta e informa sobre a gemologia no Brasil. Termos como gema natural, sintética ou artificial são conceituados, assim como os termos imitação ou falsificação. Uma grande dúvida que acomete a maioria das pessoas é a diferença entre gema sintética e gema artificial. Sintética é a gema feita em laboratório que possui similar natural, por exemplo, esmeralda sintética ou rubi sintético. Uma gema sintética possui as mesmas propriedades e composição de seus equivalentes naturais.A gema artificial é um material desenvolvido em laboratório que não possui similar na natureza, por exemplo, a zircônia cúbica. Rubi com asterismo - Santa Catarina
Quartzo  com inclusões de pirita - Minas Gerais
O Brasil é considerado uma das maiores províncias gemológicas do mundo, graças à variedade de minerais-gema que produz. Somos o único produtor mundial de Topázio Imperial e Turmalina Paraíba. São produzidas aqui fantásticas variedades de turmalina e quartzo. A variedade violeta do quartzo, por exemplo, conhecida como Ametista, é produzida no Rio Grande do Sul em toneladas e fornece geodos ("capelas") aos principais museus do mundo.